Mancha encontrada no Rio São Francisco provoca desabastecimento

Notícias | 14.04.15 | Nenhum Comentário

Mancha encontrada no Rio São Francisco provoca desabastecimento

Abertura de comportas fez material orgânico descer ao leito do rio.Situação levou à suspensão do abastecimento em 7 municípios do sertão alagoano.

O gerente de Qualidade de Produto da Companhia de Saneamento de Alagoas (CASAL) confirmou, em entrevista ao AL TV 1ª Edição, que a mancha encontrada no Rio São Francisco, esta semana, foi provocada pela abertura de duas comportas do reservatório da Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf), em Paulo Afonso, na Bahia, divisa com Alagoas 

“O que houve na região foi abertura das comportas de Paulo Afonso. Houve a chegada de matéria orgânica contida no lago [do reservatório] que desceu ao leito do rio e hoje, o rio se encontra em uma situação bastante degradada”

, esclarece Alfredo Brechó.

O problema é que a água que abastece as casas da região estava chegando escura às torneiras. Por isso, o abastecimento a sete municípios do Sertão foi suspenso.

Delmiro Gouveia, Água Branca, Pariconha, Inhapi, Mata Grande, Canapi e Olho D’Água do Casado estão sendo abastecidas por meio de carros-pipa até que a situação seja normalizada.

A qualidade da água será monitorada em análise de amostras coletadas no Rio São Francisco.

“Nós observamos uma alteração na qualidade físico-química dessa água. Então, de pronto, a CASAL parou o bombeamento de forma preventiva para que essa água não chegasse à comunidade”, justifica Brechó.

FONTE E MATÉRIA COMPLETA : G1 ALAGOAS, TV GAZETA

Deixe seu Comentário

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.