Eu viro carranca pra defender o

Notícias | 29.05.14 | Nenhum Comentário

Eu viro carranca pra defender o “Velho Chico”

O Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco lança a campanha “Eu viro carranca pra defender o Velho Chico”, que marcará o Dia Nacional de  Mobilização em Defesa do Rio São Francisco.

A saúde do rio está em risco. É por isso que a campanha “Eu viro carranca pra defender o Velho Chico” busca conscientizar a população sobre a preservação do rio e mobilizar todos pelo uso responsável dos seus recursos hídricos, com ações espalhadas por toda a bacia neste 3 de junho, Dia Nacional em Defesa do rio São Francisco.

A mobilização deverá contar com atividades em toda a extensão da bacia, que compreende 504 municípios brasileiros, distribuídos por cinco estados (Minas Gerais, Bahia, Pernambuco, Sergipe e Alagoas) e mais o Distrito Federal.

A campanha será veiculada , sobretudo, em emissoras de rádio, devido ao seu alto grau de abrangência na região da bacia, mas também irá buscar a participação/sensibilização de outros públicos. Para isso, o material publicitário será aplicado em sites e redes sociais, mídia aeroportuária, TV e impressos.

O presidente do CBHSF, Anivaldo Miranda, explica que a manifestação não significa um protesto. “Será um dia de mobilização em defesa do nosso ‘Velho Chico’, não de protesto. Com isso, as comunidades, a população, os defensores da causa do São Francisco, todos podem ter iniciativas que marquem a data. Pode ser uma caminhada, uma ação dentro do rio, uma entrevista em emissora de rádio ou de televisão. O importante é que o São Francisco seja lembrado nesse dia em sua importância para o país”, observa.

AÇÕES NO BAIXO SÃO FRANCISCO

A comunidade da região do Baixo São Francisco encontrará uma série de ações às margens do rio. A Câmara Consultiva Regional (CCR) do Baixo está articulando com pescadores, comunidades indígenas, quilombolas, pesquisadores, estudantes e gestores públicos com o intuito de realizar uma grande mobilização regional.

No dia 03 de junho, a cidade de Penedo, em Alagoas, sede da CCR, concentrará as ações, que começam às 07h30 com um Café Regional, seguido de uma mesa redonda sobre a pesca no rio São Francisco, às 9h. O ponto alto das atividades será uma caminhada em direção ao rio, a partir das 10h, quando grupos indígenas derramarão potes de água e pescadores farão uma simbólica operação de peixamento nas águas do Velho Chico. Todo programação terá concentração no auditório do Colégio Diocesano, de Penedo (Largo de Fatima, S/N – Centro).

VISITE O SITE DA CAMPANHA E PARTICIPE ! 

ASSINE A PETIÇÃO EM DEFESA DO RIO SÃO FRANCISCO !

Deixe seu Comentário

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.