SECA DEVASTA SEMIÁRIDO BRASILEIRO

Notícias | 10.01.13 | Nenhum Comentário

Fotógrafo retrata seca em jornada de 2 mil quilômetros pela Bahia

A chuva registrada na Bahia no final de dezembro não foi suficiente para reverter os estragos da que é considerada a pior estiagem a atingir o semiárido  nas últimas quatro décadas.

De acordo com a Coordenadoria da Defesa Civil da Bahia, 259 municípios baianos permanecem em situação de emergência devido à seca, que afeta nessas localidades quase 3 milhões de pessoas.

O prejuízo à economia ainda pode chegar a R$ 7,8 bilhões, segundo estimativa da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado da Bahia (Faeb).

O fotógrafo Flavio Forner esteve entre 2 e 19 de dezembro viajando pela região, percorrendo cerca de 2 mil quilômetros e visitando alguns municípios entre os mais afetados pela estiagem prolongada. Suas fotos documentam o drama humano da seca e e na paisagem da região.

Clique nas Imagens para Ampliá-las

Em Sergipe, conforme matéria de capa no dia de ontem, 09 de janeiro de 2013, veiculada no Jornal da Cidade, 2 mil cabeças de gado morrem em média, POR MÊS, na cidade de Poço Redondo.

Na mesma cidade, o êxodo rural cresce exponencialmente. Somente na última semana, 70 pessoas, em sua maioria homens, deixaram suas famílias em busca de oportunidades de sobrevivência em outras cidades.

Outras imagens do fotógrafo Flavio Forne podem ser vistas no Portal UOL

Deixe seu Comentário

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.