Mapeamento revolucionário rastrea a biosfera terrestre

Notícias | 11.12.12 | Nenhum Comentário

Mapeamento revolucionário rastrea a biosfera terrestre

Pesquisadores testaram com sucesso uma nova forma de rastrear a biosfera terrestre.

O equipamento é chamado AToMS – Airborne Taxonomic Mapping System, sistema de mapeamento taxonômico aerotransportado.

As informações obtidas revelam o ecossistema de uma forma nunca vista antes, nem por satélites artificiais e nem mesmo por observações diretas no solo.

Cada imagem que o AToMS produz é uma descoberta, é como se estivéssemos olhando para um universo inteiro pela primeira vez“, disse Greg Asner, líder do projeto.

As imagens produzidas, obtidas em uma única passagem, geram informações sobre a composição química, função e estrutura dos ecossistemas.

O equipamento foi testado a bordo de um avião da NASA que sobrevoou ecossistemas nos EUA (Califórnia), Colômbia, Costa Rica e Peru, incluindo a floresta amazônica.

O sistema AToMS é uma combinação de várias técnicas de rastreamento e imageamento, incluindo lasers e espectrômetros. A estrela do conjunto é o LIDAR (Light Detection and Ranging), também conhecido como radar de luz.

Sua resolução espacial varia de 25 centímetros a 1 metro, dependendo da altitude do avião.

Completam o equipamento um espectrômetro de ondas curtas, com resolução espacial entre 0,5 e 2 metros, e um espectrômetro de infravermelho, com resolução similar à do LIDAR, entre 0,25 e 1 metro.

É como tirar um raio X de uma paisagem inteira, planta por planta, e de cada pequena elevação. Nós podemos ver como cada pequena elevação no solo, de meio metro, pode criar um novo habitat para espécies, com efeitos mensuráveis para a biomassa da floresta inteira,” disse Dana Chadwick, que usou o sistema para fazer uma pesquisa sobre a interação entre a floresta e sua geologia.


This ultra-high resolution fly through the Amazon rainforest canopy was acquired with CAO AToMS in July 2011. Different shades of red show variations in chemicals found in the leaves of trees in 3D.

Fonte : Carnegie Airborne Observatory

Deixe seu Comentário

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.