contaminaA�A?o de A?guas subterrA?neas

Notícias | 09.10.11 | Nenhum Comentário

Brasil desconhece nA�vel de contaminaA�A?o de A?guas subterrA?neas

por Eduardo Carvalho
Portal G1, A�Globo Natureza.

O governo federal pretende desembolsar R$ 15 milhA�es para que a AgA?ncia Nacional de A?guas (ANA) investigue possA�veis contaminaA�A�es em A?reas que concentram grande volume de A?gua subterrA?nea.

O objetivo A� fazer um levantamento nacional sobre as condiA�A�es destes locais e delinear aA�A�es preventivas para conservar essas A?reas da alta concentraA�A?o urbana, responsA?vel pelo lanA�amento de rejeitos industriais e esgoto sem tratamento em nascentes e cursos de A?gua.

Ainda nA?o existem no Brasil estatA�sticas nacionais sobre a quantidade de solos e A?guas subterrA?neas que sofreram danos ambientais. Um dos motivos A� que a responsabilidade de manutenA�A?o A� dos estados. “Estamos atrasados, mas ainda hA? tempo para obter este conhecimento”, diz o geA?logo Paulo Varella, diretor da ANA.

A formaA�A?o de grandes cidades, que concentram indA?strias e, muitas vezes, bairros sem infraestrutura de saneamento bA?sico, pode jA? ter contaminado o solo e, consequentemente, as A?guas de reservatA?rios naturais, mesmo aqueles localizados a uma profundidade que varia de 80 metros a 1.000 metrosA� de profundidade.

“Mesmo com algumas contaminaA�A�es constatadas, como na regiA?o de SA?o Paulo, por exemplo, sA?o poucos os pontos para a grande quantidade de reservas que existem no Brasil”, explica Varella.

InvestigaA�A?o ambiental
De acordo com ele, o primeiro estudo iniciado foi na bacia do Rio Amazonas, considerada a maior do mundo. Posteriormente, serA?o analisados os aquA�feros Urucuia (principal fornecedor de A?gua para o Rio SA?o Francisco, no Nordeste do paA�s), AA�A? e JandaA�ra (que abrange o CearA? e Rio Grande do Norte), alA�m do Guarani, o maior do paA�s, com 45 mil kmA? de volume de A?gua e que passa pela Argentina, Paraguai e Uruguai.

SerA?o analisadas caracterA�sticas hidroquA�micas (qualidade das A?guas) e hidrodinA?micas (extensA?o dos reservatA?rios e volume deles). Na Bacia do Amazonas, o prazo de conclusA?o dos estudos estA? previsto para o primeiro semestre de 2013.

a�?Vamos fazer o diagnA?stico dessa regiA?o no intuito de prevenir quaisquer contaminaA�A�es. A nossa expectativa A� que consigamos descrever detalhes que vA?o colocar este aquA�fero na regiA?o da Bacia do Amazonas entre os maiores do mundo e maior atA� que a o aquA�fero Guarania�?, explica Varella.

Brasil: um paA�s com pouco saneamento bA?sico
Entretanto, o diretor da agA?ncia afirma que jA? podem existir trechos do reservatA?rio jA? contaminados devido A� falta de saneamento nas grandes cidades. a�?Nas proximidades de BelA�m (PA) jA? hA? registros de contaminaA�A?o por falta de tratamento de esgoto. A� uma realidade do Brasil que precisa ser melhoradaa�?, explica.

Segundo o relatA?rio a�?Conjuntura dos Recursos HA�dricosa�?, divulgado neste ano pela Ana, o Brasil coleta 56,6% do esgoto domA�stico urbano. Entretanto, apenas 34% deste volume passa por tratamento.

Varella cita que investimentos neste setor sA?o necessA?rios, pois a recuperaA�A?o de reservatA?rios subterrA?neos de A?gua podem demorar anos. a�?Mais que o tempo de vida de uma pessoa. A saA?de dos aquA�feros depende dos primeiros metros de solo. NA?o vamos ter erradicaA�A?o da pobreza se nA?o cuidarmos do saneamento bA?sico. Mas o PAC (Plano de AceleraA�A?o do Crescimento) tem voltado recursos para este setora�?, afirma.


Deixe seu Comentário

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.